resenha do livro #21 – o desafio de ferro


Nome da série: magisterium.

Qual é sequência do livro: 1º volume.

Autoras: Holly Black e Cassandra clare

Ano que foi lançado: 2014.

Minha nota: cinco estrelas e favorito.

O Desafio de Ferro – AMIGOS E INIMIGOS. PERIGO E MAGIA. MORTE E VIDA.


A maioria dos garotos faria qualquer coisa para passar no Desafio de Ferro. Callum Hunt não é um deles. Ele quer falhar.

Se for aprovado no Desafio de Ferro e admitido no Magisterium, ele tem certeza de que isso só irá lhe trazer coisas ruins. Assim, ele se esforça ao máximo para fazer o seu pior… mas falha em seu plano de falhar.

Agora, o Magisterium espera por ele, um lugar ao mesmo tempo incrível e sinistro, com laços sombrios que unem o passado de Call e um caminho tortuoso até o seu futuro.

Magisterium – O Desafio de Ferro nasceu da extraordinária imaginação das autoras best-seller Holly Black e Cassandra Clare. Um mergulho alucinante em um universo mágico e inexplorado.

A história desse livro começa, com o prolongo, que quando a gente termina de ler o prolongo, não entendemos nada (mas só começa a fazer sentido lá no final do livro).

Já no 1º capitulo a história trata um menino que se chama call, ele tem 12 anos. Ele é um menino solitário, ele só tem o pai (a mãe dele morreu quando ele ainda era um bebê), ele não tem nenhum amigo (só consegue amigos na escola de magia – que eu vou contar mais pela frente). O call tem um segredo, que nem ele mesmo sabe (só o pai dele), agente descobre só no final do livro.

O pai do call sempre falou para ele: nunca use magia, nunca passe no teste: o desafio de ferro e nunca confie num mago (o pai dele pode parecer maluco, mas ele tem um motivo muito bom para fazer isso com filho – que tem a ver com o segredo do call). O call tem uma perna quebrada (isso fica difícil de ele andar), ele já fez várias cirurgias e tem vários parafusos ligando cada osso na perna dele.

O call foi fazer o teste no desafio de ferro ( que no mundo deles, todo mundo com 12 anos tem que fazer o teste). O pai dele falou para fazer de tudo para não passar no teste, eu só posso resumir uma palavra como foi o teste, que é: catástrofe (por dois lados, primeiro: o teste dele foi muito ruim e segundo por que ele passou no teste – Ele não era para passar).

Ele foi para a escola de magia chamada: magisterium. Lá na escola tinha os dominados pelo caos, que eram controlados pelo: constatine (acho que se chama assim), essa pessoa é totalmente do mal.

Minha opinião: esse livro é muito bom, foi uns dos meus preferidos do ano de 2015. A Holly e a Cassandra, ta muita pista no livro, que no meio você já pensa que desvendou o mistério do livro, mas, chega o final do livro, você se surpreende totalmente no livro, e descobre que você não descobriu nada do livro. Eu aconselho ler esse livro num certo publico: num publico infantil, adolescente e os adultos (até os 20 anos).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: